Crie uma identidade de marca poderosa para seu negócio

Consumidores podem ser bem categóricos sobre as marcas. Eles gostam mais de uma marca de tênis que de outra, dão preferência a determinada marca de carro - e tudo isso pode se dar de uma forma bem apaixonada.

Se você for o fabricante da marca preferida de tênis ou de carro, bem, isso é uma coisa muito boa… por isso, criar uma forte identidade de marca é tão importante.

É fácil pensar que a identidade da sua marca é só o logo, ainda mais quando você vê pessoas usando roupas e adesivos com logos em todos os eletrônicos que elas têm. Mas o que mais entra na identidade de uma marca?

As pessoas que se sentem emocionalmente conectadas ao seu negócio podem se tornar fãs e clientes por toda a vida. Mas, para chegar lá, seu negócio precisa ser mais do que apenas um negócio.

A marca é o que dá uma cara para a sua empresa. Isso mexe com as emoções do cliente e faz com que ele perceba que a empresa é mais que só um produto ou serviço. Assim, ele entende porque os seus produtos – e não o do concorrente – são melhores para ele.

Para criar a identidade da sua marca, você precisa de 4 coisas. Comece pelos Valores: 1 palavra traduz o que sua marca valoriza. Entre duas fábricas de carro, uma se caracteriza como “segura” e a outra como “luxuosa”.

Também tem a Visão da empresa: 1 frase que comunica as motivação e os objetivos da empresa. É a frase que define quem você é e motiva funcionários, clientes e parceiros de negócios.

Já a Missão da empresa é mais concreta que a visão. A missão diz o que você realmente faz e que produtos e serviços você oferece pras pessoas.

Por último, tem a Persona ou Personalidade da Marca. Isso deixa você definir o tom de voz, as cores e o tipo de design que vai entrar no marketing e em outras comunicações com o cliente.

Descubra o que o seu negócio representa - e o que ele não representa - para criar uma visão.

Pergunte a si mesmo por que você faz o que faz e como faz isso. Por exemplo, a empresa "One Man's Trash" agita o mercado global de arte vendendo peças feitas de garrafas plásticas recicláveis de uma maneira artesanal e sustentável.

Pense então no produto mais importante que você tem e faça uma relação com um produto que você jamais comercializaria (o exato oposto do que você faz e acredita).

Para facilitar, considere como o seu público-alvo descreveria o seu negócio e que posição você queria que sua empresa ocupasse no futuro.

Combine tudo isso em uma única frase inspiradora que contenha o nome da sua empresa, suas aspirações e o modo peculiar de fazer as coisas. No exemplo que vimos, seria algo como: "One Man's Trash se dedica a agitar o mercado de arte e erradicar o lixo com artesanato sustentável."

Compartilhe essa Visão com todas as pessoas que trabalham com você. Quanto mais elas entenderem e adotarem esse conceito, mais forte será a identidade da sua marca.

Pergunte a si mesmo o que o seu negócio faz pelos consumidores para construir a sua Missão.

Que setores o seu negócio atende? Arte colecionável, comida fresca, cuidados médicos, entretenimento etc? Quem são seus consumidores?

O que você faz para atender as necessidades desse setor? Que técnicas você usa para fazer isso (pensamento inovador, dados, descontos etc). Isso torna seu negócio diferente dos outros? O que mais você faz para se diferenciar?

Agora combine todas essas informações em uma frase curta que vá direto ao ponto e que não use jargões profissionais.

Vamos recorrer novamente ao exemplo que destacamos: "One Man's Trash se dedica a oferecer lindas e sustentáveis peças a amantes de arte a um preço razoável. Cada peça é feita artesanalmente e fabricada sob demanda por nossos habilidosos escultores".

Agora vamos dar uma olhada em como desenvolver o perfil e a personalidade da marca. Dica: tem tudo a ver com pensar com a cabeça dos seus consumidores.

Seu perfil de marca parte da sua missão e visão e foca em encontrar uma palavra que represente ambos. Para fazer isso, imagine as emoções que as pessoas sentem ao pensar no seu negócio.

Eles se sentem seguros, livres, felizes, animados, relaxados, confiantes ou qualquer outra coisa? Concentre-se em 1 emoção - e faça pesquisas com grupos focados para certificar-se de que é realmente isso o que seus consumidores pensam.

Para construir a personalidade da marca, pergunte a si mesmo: se minha marca fosse uma pessoa, como eu faria para descrevê-la?

Talvez você diria que o seu negócio é charmoso, inovador, descolado, jovem e esperto. Mais uma vez, teste esse conjunto de hipóteses com pesquisas e grupos focados.

Uma vez que você desenvolveu os quatro pilares de marca, você pode agora reunir todos eles para ajudá-lo a guiar a estratégia e a execução do seu marketing.

Por exemplo, sua visão pode ajudá-lo a tornar sua campanha de anúncio inovadora e focada em objetivos, enquanto sua missão pode servir como base para verificar se os anúncios de fato refletem as características do seu negócio.

Sua campanha de anúncio deve fazer com que as pessoas sintam a emoção representada na palavra que resume o perfil da sua marca; e o tom de voz deve refletir a personalidade que você escolhe para sua marca.

Todos esses elementos irão ajudar o seu marketing a comunicar o que o seu negócio faz, por que ele é diferente e que tipo de pessoa você atende - tudo isso ajuda a solidificar a sua marca tanto na cabeça dos consumidores quanto no seu setor.

Certifique-se de que todos os envolvidos com seu marketing - seja a equipe interna, seja uma agência externa - conheçam os quatro pilares da marca e como eles funcionam conjuntamente. Isso ajudará seu marketing a ser consistente.

Não se esqueça: seja sempre autêntico. Você tem que efetivamente vivenciar a identidade da sua marca, e não apenas falar sobre ela. Afinal, os consumidores não gostam de fazer negócio com uma empresa em que não possam confiar.

Para mais informações, acesse nossa página no facebook.