Descubra o que você pode aprender com seu concorrente

Imagina uma marca de leite chamada 'iMilk' que está pesquisando seus concorrentes. Naturalmente, iMilk dá uma olhada nos grandes produtos locais de leite e observa o tipo de marketing que está sendo feito, se existe promoções especiais e quais são os canais de venda usados.

Agora, iMilk tem todas as informações necessárias para permanecer competitiva e triunfar no mercado... certo? Na verdade, iMilk poderia ter feito mais pesquisas sobre seus competidores.

Por exemplo, eles apenas avaliaram seus concorrentes diretos, os grandes produtores de leite. Mais eles se esqueceram de verificar seus concorrentes indiretos - as empresas que não vendem leite, mas que estão no setor de bebidas em geral.

Os competidores diretos de iMilk são as empresas produtoras de leite. Os competidores indiretos vendem outros produtos, como suco de laranja ou chá gelado, mas fazem parte do mesmo ramo de atuação (bebidas em geral).

Conhecer seus concorrentes, sejam diretos ou indiretos, é apenas uma parte do processo de pesquisa dos competidores.

É um trabalho duro, mais vale a pena porque a pesquisa dos competidores pode revelar muito mais do que apenas o que os concorrentes estão fazendo.

Ela pode dar a você insights sobre o posicionamento da sua marca, mostrando a posição única que você ocupa no mercado em relação aos competidores.

Pesquisar competidores também pode ajudar a enxergar os sucessos e os fracassos em marketing dos concorrentes, o que pode influenciar suas próprias escolhas. E você também pode observar tendências do setor, como novas preferências dos consumidores e categorias emergentes de produtos.

Pesquisar competidores pode até mesmo ajudar a fazer estimativas mais precisas sobre o futuro do seu setor de atuação. Essas previsões e o histórico do setor, podem ajudar a tomar decisões sobre o direcionamento e o tom usado nos materiais de marketing.

Organizar-se é o primeiro passo para fazer a pesquisa dos competidores. Uma planilha detalhada pode ser seu melhor amigo durante esse processo.

Depois que você organizou os dados, é hora de analisá-los com cuidado. Uma maneira fácil de fazer isso é pensar como consumidor.

A única maneira de saber como um concorrente trata o consumidor é sendo este consumidor. Isso pode ajudar a descobrir quais são os diferenciais dessa marca. E onde você pode inserir essas informações? Exatamente, na sua planilha.

Você pode também analisar a presença digital dos seus concorrentes. Ferramentas como SimilarWeb e Google Trends podem ajudar nisso.

Ao fazer essa pesquisa, observe as falhas e os sucessos dos seus concorrentes. Ambos podem influenciar em seu SEM (Search Engine Optimization) e em suas estratégias de marketing como um todo. Além disso, registre todos os dados importantes - as vendas de seus concorrentes, finanças, participação de mercado.

Para mais informações, acesse nossa página no facebook.